ABC - quinta-feira , 13 de junho de 2024

EUA podem levar mais tempo do que outros países para voltar à meta de 2%, diz membro do Fed

O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de Atlanta, Raphael Bostic, disse nesta quinta-feira (23/5), que a economia dos Estados Unidos deve demorar mais do que as de outros países desenvolvidos para voltar à meta de inflação de 2% ao ano, visto que o setor de empregos segue fortemente aquecido e dá tranquilidade para o BC dos EUA tomar decisões sem o risco de colocar a atividade em contração.

Durante uma sessão de perguntas e respostas na Universidade de Stanford, o líder da distrital de Atlanta, que vota nas decisões de juros neste ano, voltou a dizer que os juros não serão alterados em um horizonte breve.

Newsletter RD

Ele pontuou que os riscos altistas à inflação permanecem, embora os dados recentes sugiram que a inflação está desacelerando à meta de 2% ao ano – apesar de que muito lentamente.

Receba notícias do ABC diariamente em seu telefone.
Envie a mensagem “receber” via WhatsApp para o número 11 99927-5496.

Compartilhar nas redes