ABC - domingo , 14 de julho de 2024

Eletra apresenta e-Trol e novos modelos de ônibus em 2024

Empresa com foco em tração elétrica visa lançar versões de piso alto de trólebus (Foto: Divulgação/Eletra)

A Eletra, empresa 100% nacional e de São Bernardo, apresenta em janeiro seu mais recente produto, o e-Trol, um trólebus com ampla autonomia sem contato com a rede aérea, produzido especialmente para operações em vias segregadas e BRT (Bus Rapid Transit).

Ao longo de 2024, a Eletra também lançará versões de piso alto para os ônibus elétricos de 15m e 12,1m, permitindo ampla adequação às características de cada rota.

Newsletter RD

Ainda em janeiro os ônibus elétricos 100% brasileiros Eletra 21,5m e Eletra 12,8m, com recargas de oportunidade, seguem para homologação da SPTrans. “Flexibilidade é o principal diferencial da Eletra” – diz a presidente Milena Romano Braga.

E-Trol
O e-Trol é um ônibus elétrico com características de trólebus, com um inédito sistema de recarga das baterias. O veículo tanto pode circular conectado à fiação aérea e com energia do banco de baterias. A rede aérea, por sua vez, recarrega as baterias durante a operação. Desta forma, o e-Trol pode circular continuamente e sem contato externo por longos trechos do trajeto, dispensando a recarga nas garagens no final do dia.

O sistema elétrico do e-Trol também pode ser alimentado por recargas de oportunidade durante o percurso, o que assegura autonomia de até 300 km. Essa autonomia garante a operação diária na maioria das linhas urbanas e metropolitanas do País.

Tecnologia
A solução tecnológica do e-Trol permite economia nos custos de infraestrutura centralizada de recarga de baterias nas garagens e também na fiação aérea, que pode ser instalada apenas em alguns trechos do percurso.

As alavancas coletoras de energia (pantógrafos) são pneumáticas e automáticas. Dispensam a necessidade de manipulação pelo lado externo e diminuem o risco de desprendimento da rede aérea. O e-Trol tem 21,5m e capacidade para 146 passageiros (60 sentados e 85 em pé, mais espaço para uma pessoa em cadeira de rodas ou com cão-guia).

Linha
Ao longo de 2023, a Eletra apresentou ao mercado a mais completa linha de ônibus elétricos da América Latina, todos fabricados no Brasil com tecnologia nacional. São seis novos modelos, desenhados para atender às diferentes características topográficas e urbanas das cidades brasileiras e latino-americanas.

Os ônibus elétricos Eletra são o resultado da parceria da Eletra com algumas das principais empresas de transporte público sustentável no Brasil.

  • 10m – Midi (chassi Mercedes-Benz, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG).
  • 12,1m – Básico (chassi Mercedes-Benz, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG);
  • 12,5m (chassi Mercedes-Benz, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG);
  • 12,8m – Padron (chassi Mercedes-Benz, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG);
  • 15m (chassi Scania, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG);
  • 21,5m – Articulado (chassi Mercedes-Benz, carroceria Caio, motores elétricos e baterias WEG).

Toda a Linha Eletra é produzida numa área industrial de 27 mil m² na Via Anchieta, em São Bernardo. A nova fábrica entrou em operação em maio de 2022 e tem capacidade de produzir 150 ônibus elétricos/mês, ou até 1.800/ano, podendo aumentar essa produção em 50%, dependendo da demanda.

A ampliação das instalações faz parte de um plano de investimentos cujo objetivo é posicionar a empresa como a principal indústria nacional de veículos elétricos pesados. “Nossa meta é ser a maior montadora brasileira de ônibus elétricos, com tecnologia inteiramente nacional”, diz Milena Braga.

Receba notícias do ABC diariamente em seu telefone.
Envie a mensagem “receber” via WhatsApp para o número 11 99927-5496.

Compartilhar nas redes