Cidade da Criança de São Bernardo reabre com 21 novos brinquedos

A Cidade da Criança de São Bernardo, primeiro parque temático da América Latina, foi reaberta ao público naeste sábado (27/11), pelo prefeito do município, Luiz Marinho, com 21 novos brinquedos de grande porte, sendo a maior parte mecanizada. Dando continuidade a revitalização do espaço iniciada em 2009, o parque ficou fechado desde o dia 18 de outubro para a instalação dos novos brinquedos e agora passa a contar com 30 atrações, entre as atuais e novas. Até janeiro, outras seis atrações devem estar em funcionamento.

Os frequentadores do parque puderam se divertir com o Space Jump, Trem Fantasma, Tagadá, Elevador e Tele-Combate. Também foram retomadas oito atrações que fizeram parte da história da Cidade da Criança: Xícara Maluca, Carrossel Comboio, Carrossel Ferrari, Carrossel Charrete, Roda Gigante, Bate-Bate adulto, Barco Viking e Minhocão; além de oito equipamentos já existentes e que também passaram por reforma: Eldorado, Carrossel, Rio Amazonas, Simulador, Planetário, Teleférico, Circuito de Arvorismo e Tirolesa. Há ainda quatro pontos de lanchonete, lojas de conveniência de produtos orientais (Jardim Japonês), de carrinhos de miniatura e livros infantis.

Para dezembro, estão programados o início das minis Casa Maluca e Montanha Russa, Vale dos Dinossauros, com réplicas dos animais, e academia ao ar livre, voltada para a terceira idade, pessoas com deficiência e crianças. Já o Avião DC3 e o Submarino serão entregues em janeiro.

Marinho afirmou que a Cidade da Criança é um dos equipamentos que podem atrair o turismo para o município. “São Bernardo tem um papel reservado ao turismo e a Cidade da Criança é um deles, juntamente com a Represa Billings, Parque Estoril, Prainha e os restaurantes espalhados pelo município. O parque também pode refletir o que estamos fazendo no município, trabalhando para reconstruir e recolocar a cidade no cenário nacional”, enfatizou.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo (SDET), Jefferson José da Conceição, informou aos presentes que uma recente pesquisa realizada com a população de São Bernardo identificou a Cidade da Criança como uma das referências do município. “Nos anos 70 e 80 o parque atraiu muitos turistas de outros Estados e nós queremos que isso aconteça novamente”. Ele ainda anunciou para março de 2011 o acervo da TV Brasileira, que terá dois andares e mostrará de forma lúdica a história da televisão no Brasil.

Outras atividades fizeram parte da programação de reabertura, como fanfarra, brincadeiras monitoradas, pintura facial, escultura com balões, palhaço, perna-de-pau, dublês, aula de violão e country dance. O parque ainda teve a presença do Ecomóvel – veículo equipado para a exibição de vídeos, peças teatrais, orientações de educação ambiental e distribuição de cartilhas educativas sobre a preservação do meio ambiente.

O público assistiu a apresentação de Teatro de Fantoches sobre a questão da dengue e Entenda os Bichos, essas últimas ações coordenadas pela Divisão de Controle de Zoonoses. Completaram a

diversão brinquedos infláveis. Todas as atividades foram comandadas pela SDET, em parceria com as secretarias de Saúde, Esportes e Lazer, Gestão Ambiental e Coordenadoria de Ações para a Juventude (Cajuv).

O gerente de compras, morador do Baeta Neves, Sidnei Locatelli, aproveitou que a sua filha tocou com a banda da escola no parque e trouxe toda a família. “Fico feliz de trazer meus filhos neste espaço que é muito importante para São Bernardo. Ele era muito bom e agora está ficando novamente. É um momento de relembrar a infância”, divertiu-se.

A Cidade da Criança fica na Rua Tasman, 301, Jardim do Mar. A entrada é gratuita e os ingressos para os brinquedos custam de R$ 2 a R$ 5. O horário de funcionamento é de quarta a domingo, das 9h às 17h, e das 6h às 9h apenas para caminhada.

Comentários