ABC - terça-feira , 18 de junho de 2024

ABC tem alta de 28% nos óbitos por acidente de trânsito em abril

Índice de mulheres envolvidas em acidentes de trânsito cresce no ABC (Foto: reprodução/Instagram)

Dados do Infosiga (Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito) divulgados nesta semana, revelam que o ABC registrou alta de 28% nos óbitos por acidente de trânsito, se comparado os meses de abril de 2024 e 2023, quando 18 e 14 pessoas morreram nas fatalidades.

Do total de 18 óbitos, 10 foram em vias municipais, o que representa 55% da conta, sendo a colisão (10) o principal motivo para os acidentes, em seguida os choques (5). Foram oito mortes em São Bernardo, Ribeirão Pires (4), Santo André (3), Diadema (2) e Mauá (1). São Caetano e Rio Grande da Serra não contabilizaram.

Newsletter RD

A maioria das vítimas dirigia moto (11). Apesar disso, no comparativo anual, foi registrado queda de 6% nos casos de fatalidades por motocicletas, assim como situações que envolvem automóveis, com redução de 15% para 11% dos casos. Óbitos envolvendo pedestres também reduziram, com uma queda de 4%.

Morte de mulheres cresce

Na contrapartida, o levantamento indica um aumento substancial do público feminino nas fatalidades. Em abril de 2023, mulheres representavam 8% dos óbitos registrados, sendo todos por acidentes envolvendo motocicletas. Já em abril de 2024, a presença feminina saltou para 17% das mortes registradas no mês, sendo 11% por automóveis e 6% causados por motocicletas.

Apesar deste aumento, o público predominante nos acidentes da região são homens motociclistas, dos 20 aos 24 anos, representando a maioria das fatalidades. Dos 18 óbitos, 15 eram homens e três mulheres. Em relação às idades: de 0 a 14 (1 caso); 20 a 24 (5 mortos); 25 a 29 (1); 30 a 34 (3); 35 a 39 (1); 40 a 44 (4); 45 a 49 (1); 50 a 54 (1) e 80 ou mais.

Entre os tipos de acidente, 10 morreram em colisões, cinco em choques, dois foram atropelados e um caso não foi identificado no estudo.

Receba notícias do ABC diariamente em seu telefone.
Envie a mensagem “receber” via WhatsApp para o número 11 99927-5496.

Compartilhar nas redes