ABC - quinta-feira , 18 de julho de 2024

Falhas na penitenciária federal de onde presos fugiram foram corrigidas, diz Lewandowski

O ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski, disse neste domingo, 18, que as falhas da penitenciária federal de Mossoró (RN) foram corrigidas e que a unidade voltou a ser segura. Ele deu as declarações na cidade, onde foi ter reuniões sobre a fuga de dois criminosos que estavam presos no local.

“Enquanto nós estamos apurando, as correções estão sendo feitas. As possíveis falhas já estão corrigidas, de maneira que o presídio de Mossoró voltou a ser um presídio absolutamente seguro”, declarou Ricardo Lewandowski.

Newsletter RD

Ele afirmou que a Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal estão empenhadas nas buscas, além de outras polícias como as militares do Rio Grande do Norte e outros Estados. De acordo com Lewandowski, houve superação da “fragmentação federativa”.

“É um momento histórico auspicioso, porque várias forças policiais se conjugam no esforço de sanar a situação, as fragilidades que foram encontradas no presídio, mas também a busca pelos foragidos”, afirmou ele.

Mais cedo, o ministro disse que a fuga de dois detentos da penitenciária federal de Mossoró (RN) é pontual e não afeta a segurança do sistema. Ele deu as declarações na cidade, para acompanhar as investigações e se reuniu com a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT) .

Receba notícias do ABC diariamente em seu telefone.
Envie a mensagem “receber” via WhatsApp para o número 11 99927-5496.

Compartilhar nas redes