Paciente com covid-19 reclama de falta de isolamento em hospital de Mauá

Segundo o paciente, não houve isolamento em sala separada do hospital, mesmo após aviso de possível contaminação. (Foto: Google Maps)

Em Mauá, um morador diagnosticado em teste de farmácia com covid-19 diz ter precisado ficar em sala de espera comum com demais pacientes na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Vila Assis. Segundo informações do paciente, não houve nenhum tipo de isolamento em sala separada, mesmo após aviso de possível contaminação.

O caso ocorreu na última sexta-feira (19/2), quando o morador, que preferiu não ser identificado, sentiu os primeiros sintomas e foi até a farmácia fazer um teste pago. Após o resultado positivo, foi orientado a ser avaliado por um médico. “Fui na UPA do Jardim Anchieta, com o teste positivo, e precisei esperar cerca de duas horas com demais pacientes”, explica o morador.

Na ocasião, o paciente foi informado por funcionários do local, que não haveria separação, o que colocou outros pacientes em risco. “Quando eu cheguei mostrei meu teste para eu não ficar no meio de todos, mas me disseram que eu não poderia ficar isolado, pois precisava passar na triagem primeiro. Aguardei do lado de fora para diminuir o risco de passar para as outras pessoas, mas notei que não existe separação, é tudo misturado”, completa.

Procurada, a Prefeitura de Mauá informou que o procedimento é o de identificação e triagem inicial, em que o paciente é classificado de acordo com o risco do atendimento e que a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Vila Assis possui divisão de assentos, com identificação, para a espera de pacientes com sintomas e sem sintomas de síndrome gripal para garantir o distanciamento físico e evitar contaminações.

Ainda salientou que a Secretaria de Saúde possui canais de comunicação para elogios, sugestões e reclamações, e a secretaria não foi contatada sobre o caso. Os contatos são email: ouvidoriageral@maua.sp.gov.br e telefone: 0800 7609000.

Receba diariamente o RD em seu Whatsapp
Envie um WhatsApp para 11 94984-9581 para receber notícias do ABC diariamente em seu celular.

Comentários