Ana Luiza diz que Serra odeia os pobres

Gaúcha radicada em São Paulo, Ana Luiza (PSTU) tenta mais uma vez conquistar uma vaga no Senado. Ela concedeu entrevista ao RDTV e direcionou críticas aos candidatos que lideram as pesquisas para herdar a cadeira hoje ocupada por Eduardo Suplicy (PT).

O principal alvo foi o ex-governador José Serra (PSDB). “O Serra é o mesmo perfil do Alckmin, o candidato que odeia os pobres e odeia os movimentos sociais. Quando governou, perseguiu os professores, retirou direitos. É a direita tradicional. Se apresenta e representa isso”, afirma Ana.

“O Suplicy faz um discurso mais social, mas vota como o governo quer, contra a classe trabalhadora”, afirma a candidata do PSTU. “O Kassab foi prefeito e tem o mesmo perfil do Serra, chegou a ser vice dele. São todos muitos amigos, praticamente irmãos”

Histórico
Ana Luiza Figueiredo é trabalhadora do judiciário federal e começou sua militância política em 1979. Foi integrante do PT, mas foi expulsa do partido no início da década de 90, junto com outros companheiros, em meio ao processo de impeachment de Fernando Collor.

A cúpula do PT era contra o partido entrar na luta para derrubar Collor. Um grupo dentro do PT (que viria mais tarde a dar origem ao PSTU) discordava desse posicionamento, e acabou sendo expulso.

PSTU e o PSOL formaram uma Frente de Esquerda em São Paulo neste ano, que é apontada pelas duas siglas como uma alternativa ao PSDB, PMDB e o PT.

Entre as posições de destaque que o PSTU alcançou está a presidência do Sindicato do Metroviários de São Paulo. Integrante do partido, Altino Prazeres, comandou a entidade durante a greve que paralisou os serviços nos dias que antecederam a Copa do Mundo.

Receba diariamente o RD em seu WhatsApp
Envie um WhatsApp para 11 94984-9581 para receber notícias do ABC diariamente em seu celular.

Comentários