Paulo Serra afirma que Ailton Lima voltou para “velha política”

48 horas após a entrevista do ex-secretário de Desenvolvimento Econômico de Santo André, Ailton Lima (PSD), ao RDtv, o prefeito Paulo Serra (PSDB) rebateu as críticas nesta sexta-feira (22). Para o gestor, seu ex-aliado voltou para a “velha política” e que não foi contatado sobre a não volta de Lima ao primeiro escalão. Além disso, o tucano revelou que pretende resolver a dívida que o Semasa tem com a Sabesp até o final deste semestre.

“Nós lamentamos essa história por dois motivos. Primeiro, eu sou de uma geração de políticos novos, no PSDB até se fala dos ‘cabeças pretas’, me considero ágil como político da nova geração e o Ailton pertence a uma nova geração, um pouco mais de idade, um pouco mais velho e nós lamentamos, pois parece que essa geração se preocupa muito mais com a próxima eleição, em disputar tudo que aparece pela frente, do que com a cidade”, disse Serra.

Serra rebateu críticas sobre seu governo feitas por Lima (Foto: Reprodução)

Serra também lamentou o fato de não ter sido diretamente procurado por Ailton Lima para falar de sua recusa ao convite de retornar ao primeiro escalão. O ex-secretário afirmou que falou sobre sua decisão apenas para o advogado Leandro Petrin, que advoga para o prefeito andreense. O chefe do Executivo considera que deveria ter sido procurado sobre o assunto.

Para encerrar, Paulo Serra afirmou que só vai “pensar em eleição em julho do ano que vem” e voltou a criticar Lima sobre a movimentação pensando na disputa pelo Paço em 2020.

Semasa

Quando questionado sobre a resolução dos problemas de falta d’água, o chefe do Executivo andreense afirmou que vai resolver tanto essa questão quanto a dívida do Semasa com a Sabesp até o final do semestre. A estimativa é que a autarquia municipal deva para a estadual um valor equivalente de R$ 4 bilhões. Oficialmente apenas cerca de R$ 400 milhões já foram judicializados e viraram precatórios.

Receba diariamente o RD em seu WhatsApp
Envie um WhatsApp para 11 94984-9581 para receber notícias do ABC diariamente em seu celular.

Comentários