Daniele Hypólito pode competir por São Bernardo, revela Alex Mognon

Em entrevista exclusiva ao RDtv, o secretário de Esportes e Lazer de São Bernardo, Alex Mognon, revelou que a ginasta Daniele Hypólito fará parte da equipe de ginástica artística do município neste ano. Sem dar detalhes, o chefe da Pasta esportiva afirmou que também pretende trazer outros medalhistas olímpicos para a cidade. Além disso, Mognon afirmou que a prioridade da Secretaria é o investimento no esporte de base e paraolímpico.

“Eu posso confirmar que o Diego Hypólito vai continuar em São Bernardo e vamos trazer a irmã dele, Daniele Hypólito. Ambos são referências, porém tudo dentro de uma parceria. Mas o importante para nós é que temos 350 crianças na iniciação da ginástica artística e o nosso projeto é chegar a 600 crianças até o meio deste ano”, disse o secretário.

Atualmente Daniele compete pelo Flamengo, além da Seleção Brasileira. A ginasta foi a primeira brasileira a conquistar uma medalha em mundiais (em 2001), além de 10 medalhas em Jogos Pan-Americanos.

Mognon disse que a prioridade é o esporte de base e paraolímpico (Foto: Amanda Lemos)

Mognon afirmou que outros atletas de alto rendimento, inclusive medalhistas olímpicos, serão convidados a integrar as equipes do município, mas os anúncios só serão feitos a partir de março. Apesar do investimento, em conjunto com a iniciativa privada, para trazer alguns ídolos do esporte nacional, o secretário considera que o principal foco da Pasta é o investimento na base.

“Mudamos o conceito desde o dia 2 de janeiro, o nosso primeiro dia de trabalho junto com a equipe da Secretaria. Deixamos claro o seguinte, o pouco recurso que o município tem, recurso próprio, será aplicado na parte social, na formação de base dos atletas, inclusão social de crianças, pois ainda tem muitas crianças na rua, então isso está sendo aplicado desde o dia 2 de janeiro. Ao inverso do que estava acontecendo, onde se gastava muito com o atleta profissional e não com o projeto de base”, explicou.

Favorabilidade

O principal foco para conseguir recursos para a área é através da iniciativa privada. Um dos projetos da Secretaria é criar um plano de incentivo ao esporte no município, seguindo modelos já implantados em São Paulo e Diadema. Mesmo com está ideia de conseguir investidores para a área, Alex Mognon afirmou que existem dificuldades em torno da forte concorrência, mas que confia no fato de São Bernardo ser um polo industrial, o que poderia atrair a atenção dos empresários.

Outro ponto elencado como alvo de investimento é o esporte paraolímpico. “O atleta paraolímpico de alto rendimento é bem-vindo, mas também queremos investir principalmente na inclusão social, pegar aquele jovem com deficiência e colocá-lo no parque aquático, colocar ele em uma pista de atletismo, colocar ele para praticar uma ginástica. Isso é de suma importância, pois é um trabalho social que está sendo feito e vamos fazer”, disse.

Comentários