Kiko Teixeira não descarta disputa em Ribeirão Pires

Ex-prefeito de Rio Grande da Serra, Adler Kiko Teixeira (PSC), não descarta disputa. Foto: Rodrigo Lima

O ex-prefeito de Rio Grande da Serra, Adler Kiko Teixeira (PSC), revelou durante entrevista ao RD que não descarta a possibilidade de disputar a prefeitura de Ribeirão Pires. Segundo ele, a proximidade geográfica é algo que favorece a convivência e aumenta a especulação.

“Eu almoço duas a três vezes por semana em Ribeirão e faço academia lá também. Tenho muitos amigos que, por conhecerem nosso trabalho em Rio Grande, pedem nossa entrada em Ribeirão”, afirma Kiko, reforçando, no entanto, que o pensamento agora é na disputa neste ano. ” Estou focado na pré-candidatura a deputado federal. Se eu for mesmo candidato neste ano vou disputar para vencer”, emenda.

Kiko foi prefeito de Rio Grande por dois mandatos entre 2005 e 2012. Além de deixar o governo com a aprovação de quase 90% da população local, emplacou o sucessor Gabriel Maranhão (PSDB). Como o indicado tem direito à reeleição, a corrida eleitoral na cidade vizinha seria o caminho natural para o ex-tucano.

Conta a favor do ex-prefeito a convivência com boa parte da classe política de Ribeirão. Tanto que entre os vereadores, durante a campanha, se ouvia falar da proximidade política com Kiko como vantagem diante do convencimento do eleitor. O próprio prefeito Saulo Benevides (PMDB) já tem visto no ex-prefeito um adversário. Em alguns discursos, o peemedebista tem feito discurso “cutucando” Kiko.

Antes de ser prefeito em Rio Grande, Kiko foi vereador por três mandatos, sendo em dois deles, presidente da Câmara. Ainda no currículo dele consta a presidência do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC e a direção da Agência de Desenvolvimento Econômico.

Mais recentemente, em 2013, atuou como assessor especial em Diadema com o prefeito Lauro Michels (PV).

Deputado

Kiko vai focar, caso seja candidato a deputado federal, a atuação na região do ABC e na capital paulista. Nas contas internas do partido, com cerca de 70 mil votos é possível se eleger. O PSC é cotado para ter o deputado federal mais votado por São Paulo por meio da candidatura de Feliciano. Outro nome do partido que pode puxar votos é o cirurgião e apresentador de programa de televisão. Dr. Rey.

Terceiro mandato – Em 2012, o nome de Kiko já fora cotado para disputar a prefeitura de Ribeirão. Porém, a articulação não avançou. No mesmo período, o então prefeito de Ribeirão Pires, Clóvis Volpi, fez consulta para saber da possibilidade de se candidatar na cidade de Mauá. O resultado mostrou um cenário negativo, pois já havia jurisprudência de a empreitada ser interpretada como terceiro mandato, algo vedado pela legislação eleitoral vigente.

Receba diariamente o RD em seu WhatsApp
Envie um WhatsApp para 11 94984-9581 para receber notícias do ABC diariamente em seu celular.

Comentários