ABC - quarta-feira , 19 de junho de 2024

Irã diz que helicóptero de Raisi pegou fogo após queda e que não há sinal de ataque

O helicóptero que transportava o falecido presidente do Irã, Ebrahim Raisi, pegou fogo logo após cair em uma montanha e não havia sinal de que tivesse sido atacado, informou a mídia estatal, citando os investigadores militares do acidente.

A declaração da equipe geral das forças armadas encarregada de investigar o acidente foi lida na televisão estatal na noite de quinta-feira. A primeira declaração sobre o acidente não atribuiu culpa, mas disse que mais detalhes viriam após uma investigação mais aprofundada.

Newsletter RD

O acidente de domingo matou Raisi, o ministro das Relações Exteriores do país e outras seis pessoas. O antigo helicóptero Bell caiu em uma região montanhosa remota e enevoada do noroeste do Irã no domingo. O local da queda foi descoberto na manhã de segunda-feira, com todos os oito a bordo mortos.

Raisi foi enterrado em um túmulo no Santuário Imam Reza, em Mashhad, na quinta-feira, 23.

Receba notícias do ABC diariamente em seu telefone.
Envie a mensagem “receber” via WhatsApp para o número 11 99927-5496.

Compartilhar nas redes