ABC - segunda-feira , 15 de julho de 2024

Lewandowski: Não vamos deixar falha de procedimento; nossos presídios serão mais seguros

O ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski, disse neste domingo, 18, que nenhuma falha será “deixada para trás” na apuração sobre a fuga dos dois detentos da penitenciária federal de Mossoró (RN). Ele deu a declaração a jornalistas na cidade, onde foi ter uma série de reuniões sobre o caso.

“Tudo está sendo levado na mais alta seriedade. Não vamos deixar nenhum defeito, nenhuma falha de procedimento, ou nenhum problema de equipamento para trás. Daqui para frente, como nós sempre tivemos presídios muito seguros, daqui para frente nossos presídios serão mais seguros ainda”, disse o ministro.

Newsletter RD

“Embora seja um episódio menor dentro da história exitosa das penitenciárias federais de alta segurança, eu quero dizer que o Estado brasileiro está presente”, afirmou ele.

Mais cedo, o ministro disse que a fuga de dois detentos da penitenciária federal de Mossoró (RN) é pontual e não afeta a segurança do sistema. Ele deu as declarações na cidade, para acompanhar as investigações e se reuniu com a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT) .

Receba notícias do ABC diariamente em seu telefone.
Envie a mensagem “receber” via WhatsApp para o número 11 99927-5496.

Compartilhar nas redes