Atletas invadem TikTok e se aproximam dos fãs ao mostrar rotina diária

Quando chegou ao Brasil, o TikTok ficou conhecido popularmente como o “aplicativo das dancinhas”. Com vídeos curtos em que as pessoas dançavam, a plataforma ganhou popularidade e notoriedade. Contudo, com o passar do tempo, ele se transformou em um caminho para muitas pessoas que não sabiam sequer dançar. Agora, atletas e organizadores de alguns campeonatos esportivos encontraram uma forma de mostrar seu dia a dia e de transmitir seus eventos na rede.

“O esporte é um tema que a nossa comunidade gosta muito e o TikTok tem se tornado cada vez mais um espaço para os fãs se conectarem de maneira única e por meio de conteúdos exclusivos. Nossa estratégia de potencializar conteúdos esportivos começou em 2021. Os esportes, assim como os games, estão no foco da companhia e nossas parcerias refletem esse comprometimento em promover um conteúdo inédito, diferenciado e de qualidade a toda a nossa comunidade”, comentou Ronaldo Marques, Head de Parcerias de Conteúdo do TikTok Brasil.

A plataforma com mais de 1 bilhão de usuários pelo mundo, com o tempo, se transformou em uma opção para o esporte e para os esportistas também. Além das danças, o Tik Tok virou mais uma opção para que os usuários mostrassem mais do seu dia a dia, em vídeos rápidos e informativos, sem perder sua graça. Desta forma, Arthur Nory, da ginástica artística, Rayan Castro, da ginástica de trampolim, e Juliana Campos, do salto com vara, entraram no aplicativo e passaram a ganhar mais e mais seguidores. Eles contam parte de suas rotinas no esporte.

“Eu criei a conta no início de 2020 e acho que a falta de esporte no começo da pandemia me ajudou. Eu sou da ginástica de trampolim que, querendo ou não, não tem tanto espaço como outras modalidades. Usando o TikTok, eu consigo mostrar um pouco do meu esporte, que já está no imaginário das pessoas por conta da cama elástica. O TikTok é uma plataforma muito forte para os atletas e para o esporte em geral para se mostrar para o público”, comentou Rayan Castro, que tem cerca de 700 mil seguidores na plataforma.

“Eu acredito que o TikTok é uma oportunidade para os atletas de todas as modalidades. É um canal de comunicação muito forte e de fácil acesso. É uma oportunidade de levar o esporte para a população, explicar um pouco mais sobre a modalidade e suas regras. O esporte, em geral, tem muitas modalidades legais e interessantes, mas infelizmente a população não tem fácil acesso porque não tem muito espaço nas mídias convencionais. O TikTok encurtou esse caminho de comunicação, uma vez que consigo passar essa informação direta para eles. Acabei mostrando o meu esporte e a minha rotina para as pessoas e elas curtem”, comentou a saltadora Juliana Campos, que soma mais de 540 mil seguidores.

ROTINA E INTUIÇÃO
Mas como começou a relação com o esporte e com os atletas? Para Arthur Nory, medalha de bronze no solo na Olimpíada do Rio-2016 e campeão mundial da barra fixa em 2019, foi um caminho natural. Apaixonado por redes sociais, o atleta não esconde que não tem muita noção do que fazer na plataforma, mas segue usando na intuição.

“Atleta também é gente. Entrei no TikTok mostrando um pouco da minha rotina de atleta, com os treinos, o dia a dia, mas também fazia as danças e o que estava mais em alta. Hoje, eu faço os challenges, sempre misturando um pouco com o que a minha modalidade oferece, encaixando um mortal, dificultando um pouco mais. Mas, para falar a verdade, eu não sei usar direito. Fico pedindo ajuda para os mais novos e tudo, mas gosto muito das possibilidades que o TikTok nos dá, seja dentro ou fora do esporte”, comentou Nory, com mais de 470 mil seguidores na plataforma.

MUITOS MAIS QUE SEGUNDOS
Apesar de ser um aplicativo relativamente jovem, o TikTok busca não ficar restrito aos vídeos curtos. Usando sua projeção, a plataforma passou a transmitir torneios esportivos também. Com a iniciativa, o aplicativo abraçou as transmissões oficiais da Copa do Nordeste, da Série C do Campeonato Brasileiro do Brasileirão feminino.

Com a aceitação dos usuários, o TikTok tenta se inovar nesse segmento. “Temos muitas iniciativas com o esporte e a mais recente ocorreu com a Copa do Nordeste, maior competição regional do mundo, que foi pioneira na transmissão dos jogos pelo TikTok e se tornou um grande sucesso entre os usuários da plataforma: escolhemos, por meio de votação dentro do TikTok, o novo narrador da competição”, comentou Ronaldo Marques.

Além das transmissões oficiais, a plataforma também habilitou a possibilidade de lives nos últimos anos. Em parceria com o Comitê Olímpico do Brasil (COB), o TikTok realizou uma série de encontros com representantes do esporte olímpico brasileiro antes da realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio, no ano passado.

“A parceria com o Comitê Olímpico do Brasil visava levar ao torcedor brasileiro todas as emoções do Time Brasil durante a competição e acabou estimulando a interação com os atletas por meio do aplicativo. Alcançamos mais de 58 milhões de pessoas no período da Olimpíada, o que nos deixou muito felizes e satisfeitos. No TikTok, o perfil do Time Brasil conquistou 1 milhão de fãs de forma muito consistente”, disse Marques.

Receba diariamente o RD em seu Whatsapp
Envie um WhatsApp para 11 99927-5496 para receber notícias do ABC diariamente em seu celular.

Comentários