Pelé lamenta morte de Paolo Rossi: ‘O céu está recebendo muitos craques’

Pelé se manifestou nesta quinta-feira sobre a morte de Paolo Rossi, ocorrida na última quarta. O Rei do Futebol, que publicou uma foto ao lado do italiano em seu perfil no Instagram, relatou uma viagem que o italiano fez, ainda quando criança, para assisti-lo em campo. Além disso, lamentou o falecimento de grandes nomes do futebol nos últimos dias, sendo Diego Maradona o principal deles. Também faleceu recentemente Alejandro Sabella, ténico da Argentina na Copa do Mundo de 2014 e ex-meio-campista.

“Infelizmente, o céu está recebendo muitos craques nos últimos dias. Certa vez, me contaram que você fez o seu pai te levar até Florença, para me ver jogar um amistoso contra a Fiorentina. Você tinha apenas 10 anos de idade. Que honra! Obrigado pela amizade e pela generosidade, Paolo. Que Deus receba de braços abertos, meu amigo”, escreveu Pelé.

Paolo Rossi faleceu aos 64 anos, na quarta-feira, vítima de um câncer de pulmão. Ele ficou conhecido por conduzir a seleção da Itália ao título da Copa do Mundo de 1982, o que incluiu um triunfo por 3 a 2 sobre o Brasil, com ele marcando todos os gols do seu time naquele duelo. O atacante ainda fez outros três no torneio, sendo dois na semifinal diante da Polônia e outro na decisão contra a então Alemanha Ocidental. Assim, foi o artilheiro da competição.

Por clubes, Rossi teve passagem de sucesso na década de 1980 pela Juventus. Lá, conquistou a então Copa dos Campeões, a Recopa Europeia, a Supercopa da Europa, a Copa da Itália e duas vezes o Campeonato Italiano. Ainda atuou por Como, Vicenza e Verona, onde encerrou a sua carreira em 1987. E também participou das Copas do Mundo de 1978 e 1986.

Comentários