Bianco diz que depois de audiência Guedes recebeu apoio maciço da população

O secretário especial adjunto de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco, colocou a confusão de quarta-feira, 3, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) no passado e disse que o ministro da Economia, Paulo Guedes, recebeu “apoio maciço” da população após ter sido atacado pelo deputado Zeca Dirceu (PT-PR).

“O apoio ao ministro Paulo Guedes é maciço. Isso me deixa feliz. Todo o Brasil está confiando no ministro Paulo Guedes, no presidente (Jair Bolsonaro)”, disse Bianco após participar de sessão na CCJ para discutir a constitucionalidade da reforma da Previdência. “É um acontecimento, ficou no passado, bola para frente”, emendou.

Bianco, que tem tido participação ativa na comunicação da reforma e desponta nas redes sociais falando do tema, disse que o lema da equipe é “cada dia mais esclarecer a proposta”.

Ele elogiou o ministro, que, em sua visão, mostrou “transparência, honestidade intelectual e boa vontade” ao comparecer ao Congresso Nacional para falar sobre a proposta.

“Acho que as coisas são cíclicas. Um momento bom está chegando. Hoje foi um bom momento, amanhã será outro. Pode ser que tenhamos uns (momentos) não tão bons, mas é assim que se constrói um projeto de emenda constitucional. O projeto depende mesmo de um estresse, no sentido de estressar a discussão”, afirmou Bianco.

“Estamos aqui para isso, tanto nós, equipe econômica quanto todo o governo está preparado para isso. As coisas estão clareando e chegando num ponto muito bom, isso é o que importa”, disse.

O secretário ressaltou ainda que Guedes é o “condutor da política econômica”. “Não é simples aprovar proposta de emenda constitucional, mas nosso papel também não é simples, estamos aqui para isso”, afirmou.

Receba diariamente o RD em seu Whatsapp
Envie um WhatsApp para 11 99927-5496 para receber notícias do ABC diariamente em seu celular.

Comentários