Vergne vence na China e pula para 3º lugar na Fórmula E; Félix da Costa lidera

Atual campeão da Fórmula E, o francês Jean-Éric Vergne ganhou a prova disputada na madrugada deste sábado, em Sanya, na China. O piloto da Techeetah se tornou o sexto vencedor diferente em seis provas disputadas na atual temporada da categoria.

Os três brasileiros que disputaram a prova não tiveram bons resultados. Um acidente entre Sébastien Buemi e Robin Frijns tirou Lucas Di Grassi da corrida, enquanto Nelsinho Piquet abandonou porque bateu no muro. Felipe Nasr não conseguiu largar por causa de problemas no carro e Felipe Massa ficou no 10º lugar, suficiente para ganhar um ponto.

Dos 22 carros que largaram, só 13 terminaram a corrida. A batida de Alexander Sims em um muro de proteção causou a entrada do carro de segurança em um primeiro momento, seguida de bandeira vermelha. Os pilotos esperaram dez minutos nos boxes até que a relargada fosse determinada.

Além de vencer a corrida, Vergne cravou a volta mais rápida, o que garantiu ao francês um ponto de bonificação no campeonato. Ele agora está em terceiro lugar na classificação dos pilotos, com 54 pontos. O belga Jérôme d’Ambrosio, da Mahindra, está na segunda colocação com 61, e o português António Félix da Costa, da BMW, lidera a disputa com 62.

Em quarto lugar na classificação geral está Sam Bird, da Virgin. Com 54 pontos, o britânico chegou a Sanya na ponta do campeonato, mas sofreu um abandono. Na quinta colocação está Di Grassi, da Audi, com 52, enquanto Felipe Massa, da Venturi, está em 15º lugar, com 15 pontos, e Nelsinho Piquet, da Jaguar, está no 20º posto, com 1 tento apenas. Felipe Nasr está zerado na 23ª posição.

Receba diariamente o RD em seu WhatsApp
Envie um WhatsApp para 11 94984-9581 para receber notícias do ABC diariamente em seu celular.

Comentários