GCM estoura desmanche clandestino de veículos em Santo André

Guardas descobriram galpão com peças que seriam vendidas e prenderam três suspeitos – foto: divulgação

A GCM (Guarda Civil Municipal) de Santo André estourou um galpão que funcionava como desmanche clandestino, na esquina das ruas Oratório e Almada, no Parque Novo Oratório, no último sábado (7/7). Uma equipe da Romo (Rondas com Motocicletas) recebeu uma denúncia sobre um galpão no local, com movimentações estranhas e um veículo suspeito.

Com isso, as equipes da Romo e Romu (Ronda Ostensiva Municipal Urbana) da GCM efetuaram cerco para averiguação. Os suspeitos tentaram fugir, mas os GCMs detiveram três indivíduos. Na vistoria, encontraram um caminhão que estava sendo carregado com diversas peças de veículos desmanchados no local. Os principais indícios para identificar o roubo seguido de desmanche foram placas de alguns dos automóveis e o número do chassi em vidros encontrados no galpão.

Os criminosos acompanhavam a movimentação externa por meio de câmeras e tentaram sair do local assim que perceberam a aproximação dos guardas municipais. Os suspeitos foram detidos e levados para o plantão do 2º Distrito Policial de Santo André, na Vila Camilópolis, onde foi confirmada voz de prisão. Além de recuperar peças no galpão, a GCM prendeu quatro pessoas.

Há cerca de 20 dias, a Guarda Civil Municipal já havia efetuado o estouro de outro desmanche clandestino, desta vez no bairro Santa Teresinha.

Comentários